Irecê Líder: Diagnosticado com covid, Zé Felipe esteve há uma semana em festa com vários artistas /* CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ /* FIM DA CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ -->
ao vivo

SLIDER

IRECÊ LÍDER AO VIVO

Esconder Vídeo
Abrir Vídeo
Clique aqui para enviar seu recado.
NO AR
PROGRAMAÇÃO LÍDER
LOCUTOR
(x) Fechar
Compartilhe a Líder
Facebook
Whatsapp
Telegram
Participe! Mande seu recado para o nosso Whatsapp!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2020

Diagnosticado com covid, Zé Felipe esteve há uma semana em festa com vários artistas



No último domingo, o BNews chamou atenção para a aglomeração gerada na festa promovida por Lucas Guimarães, esposo de Carlinhos Maia. O evento "Boteco Prime 2" reuniu diversos artistas, de todas as partes do país, sendo muitos deles baianos, a exemplo de Leo Santana, Lore Improta, Tierry e outros, e ignorou completamente as orientações sanitárias por causa da pandemia de coronavírus, como distanciamento e uso de máscaras.

Festa do esposo de Carlinhos Maia gera aglomeração com presença de vários famosos baianos

Nesta quinta-feira (17), um dos cantores presentes na festa, o sertanejo Zé Felipe, comunicou nas redes sociais que testou positivo para covid-19 pela segunda vez. Conforme divulgado, ele não apresenta sintomas, assim como na primeira vez que contraiu, em meados de setembro, e está isolado em casa. Virginia, mulher de Zé Felipe, que está grávida, testou negativo e foi para a casa da mãe, em Goiânia.



No entanto, no último sábado, durante a festa, é possível ver em diversas fotos e vídeos, que Zé Felipe teve contato com diversos outros artistas, inclusive com o anfitrião, com quem trocou abraços em cima do palco. Além dele, em uma foto por exemplo, ele aparece ao lado dos baianos Leo Santana, Lore Improta, Tierry e Ana Catarina, além da cantora Márcia Felipe e o marido, todos sem máscaras.



Vale lembrar ainda que um dos artistas que Zé Felipe parece ter tido mais contato no evento, pois aparecem juntos em diversos registros, é o cantor Tierry, que já contraiu covid e chegou a ter 15% do pulmão comprometido pelo vírus.

Fonte Bnews.

Mais Notícias