Irecê Líder: Prefeitura de Irecê autoriza som ao vivo em restaurantes até às 22h /* CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ /* FIM DA CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ -->
ao vivo

SLIDER

IRECÊ LÍDER AO VIVO

Esconder Vídeo
Abrir Vídeo
Clique aqui para enviar seu recado.
NO AR
PROGRAMAÇÃO LÍDER
LOCUTOR
(x) Fechar
Compartilhe a Líder
Facebook
Whatsapp
Telegram
Participe! Mande seu recado para o nosso Whatsapp!

quinta-feira, 10 de setembro de 2020

Prefeitura de Irecê autoriza som ao vivo em restaurantes até às 22h



A partir desta quinta-feira (10), até o dia 30 de setembro, os restaurantes de Irecê estão permitidos a funcionar das 8h às 23h, conforme novo decreto publicado hoje pela prefeitura. O decreto também autoriza Som ao Vivo nos restaurantes até às 22h, seguindo todas os protocolos de segurança no combate à Covid-19. O funcionamento de bares continua suspenso.

Confira outros pontos do Decreto Municipal:

Art. 4º - Fica permitido o funcionamento de estabelecimentos de serviços essenciais e/ou ligados direta ou indiretamente ao setor produtivo e industrial: farmácias, bancos, casas lotéricas, clínicas médicas, odontológicas e veterinárias, postos de combustível, conveniência, supermercados, padarias, borracharias, fábricas e indústrias de qualquer natureza, e transporte público dentro do município.

Art. 5º - Fica permitido o funcionamento de lanchonetes, casa de autopeças, lavanderias, vidraçarias, agropecuária, petshops, lojas de celulares e telefonia, concessionárias refrigeração, higiene, produtos de saúde, construção civil e lojas de material de construção, óticas, lojas de tecidos e armarinhos (insumos para máscaras) e comércio em geral, das 08h00min às 18h00min do dia 10 de setembro até o dia 30 de setembro de 2020, seguindo todas as recomendações já definidas no art. 6° do Decreto Municipal n.º 151 de 21 de abril de 2020.

Art. 6º - Fica permitido o funcionamento de salão de beleza, estética, esmaltaria e barbearias 08h00min às 18h00min do dia 10 de setembro até o dia 30 de setembro de 2020, seguindo todas as recomendações já definidas no art. 6° do Decreto Municipal n.º 151 de 21 de abril de 2020.

Art. 7º - Fica permitido o funcionamento de estabelecimentos de cursos livres e práticas laboratoriais de ensino com distanciamento de 2.0 metros entre os cursistas seguindo todas as recomendações já definidas no art. 6° do Decreto Municipal n.º 151 de 21 de abril de 2020.

Art. 8º - Os Restaurantes, lanchonetes, praças de alimentação, deverão manter o distanciamento de 1,5 (um virgula cinco) metros entre as pessoas.

Art. 9º - Fica permitido o funcionamento de academiais, de centros de fisioterapia e pilates das 05h00min às 22h00min do dia 10 de setembro até o dia 30 de setembro de 2020, com distanciamento entre as pessoas de 1,5 (um virgula cinco) metros, seguindo todas as recomendações já definidas no art. 6° do Decreto Municipal n.º 151 de 21 de abril de 2020.

Art. 10 - Autoriza o funcionamento de igrejas e templos de cultos religiosos das 07h00min às 22h00min, do dia 10 de setembro até o dia 30 de setembro de 2020, até 100 pessoas mantendo a limitação de uma pessoa para cada 2 (dois) m², conforme observância dos requisitos de segurança e distanciamento previstos no art. 10 do Decreto Municipal nº 151 de 21 de abril de 2020.

Art. 11 – Autoriza a reabertura das quadras/campos públicos a partir do dia 25 de setembro de 2020. Art. 12 - Ficam suspensas até nova determinação atividades festivas e aulas regulares em creches, escolas e faculdades. Art. 13 - Permanecem em vigor as disposições dos Decretos anteriores que não conflitem com o disposto neste decreto. Art. 14 - Este Decreto entra em vigor em 10 de setembro, com vigência até o dia 30 de setembro de 2020. Elmo Vaz Prefeito do Município Dalmo Pereira Dourado Procurador-Geral do Município.


Mais Notícias