Irecê Líder: Região de Irecê não possui mais vagas disponíveis em UTI para Covid-19 /* CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ /* FIM DA CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ -->
ao vivo

SLIDER

IRECÊ LÍDER AO VIVO

Esconder Vídeo
Abrir Vídeo
Clique aqui para enviar seu recado.
NO AR
PROGRAMAÇÃO LÍDER
LOCUTOR
(x) Fechar
Compartilhe a Líder
Facebook
Whatsapp
Telegram
Participe! Mande seu recado para o nosso Whatsapp!

terça-feira, 21 de julho de 2020

Região de Irecê não possui mais vagas disponíveis em UTI para Covid-19



A macrorregião centro-norte do estado, que envolve municípios como Capim Grosso, Irecê e Jacobina, está com 100% dos seus leitos de terapia intensiva (UTI) exclusivos para o tratamento da Covid-19 ocupados. A informação foi publicada pelo governo estadual nesta segunda-feira (20).

Toda a região possui apenas cinco unidades de UTI, concentradas no Hospital Regional Dr. Mário Dourado Sobrinho, em Irecê. Dos cinco pacientes ocupando esses leitos, três estão respirando com auxílio de ventilação mecânica.
O centro-norte baiano tem ainda 55 leitos clínicos reservados para o tratamento de pacientes contaminados pelo novo coronavírus. Apenas oito dessas unidades clínicas estão ocupadas.

OESTE

A macrorregião oeste, que alcançou 100% de ocupação dos leitos de UTI na última quinta-feira (16), chegou a ter um alívio nos números durante o final de semana, com a abertura de mais quatro unidades de terapia intensiva no Centro Hospitalar de Barreiras. Entretanto, a região voltou a ter todos os seus leitos ocupados por pacientes com Covid-19 nesta segunda.
As regiões sul (93%), norte (83%) e extremo-sul (81%) também possui taxas de ocupação altas em seus leitos de terapia intensiva reservados para o tratamento da Covid-19, mesmo com as recentes contratações de unidades hospitalares pelo governo do estado nessas localidades.

No leste (74%), onde fica Salvador, e no sudoeste (72%), de Vitória da Conquista, as gestões públicas também contrataram leitos de terapia intensiva nos últimos dias e os números são um pouco melhores. Isso pode favorecer o início da primeira fase da retomada comercial na capital ainda nesta semana.
Já as regiões centro-leste e nordeste possuem uma folga nos seus sistemas de saúde, com 43% e 58% de ocupação dos leitos de UTI, respectivamente.

Mais Notícias