Irecê Líder: Seguro destina R$ 33,3 milhões a agricultores familiares baianos; América Dourada é contemplada /* CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ /* FIM DA CONFIGURAÇÃO CORPO DE POSTAGENS */ -->
ao vivo

SLIDER

IRECÊ LÍDER AO VIVO

Esconder Vídeo
Abrir Vídeo
Clique aqui para enviar seu recado.
NO AR
PROGRAMAÇÃO LÍDER
LOCUTOR
(x) Fechar
Compartilhe a Líder
Facebook
Whatsapp
Telegram
Participe! Mande seu recado para o nosso Whatsapp!

sexta-feira, 19 de junho de 2020

Seguro destina R$ 33,3 milhões a agricultores familiares baianos; América Dourada é contemplada




Mais 39.182 mil famílias de agricultores familiares vão receber o auxílio de R$ 850 até o fim do mês de junho, totalizando recursos da ordem de R$ 33,3 milhões. Por meio de ação do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural do Estado (SDR), junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), os laudos de perdas de safra, iguais ou superiores a 50%, de 36 municípios baianos – que inicialmente tinham sido indeferidos – foram reavaliados e inseridos no programa Garantia-Safra das safras 2018/2019. A medida foi anunciada na Portaria nº 21, da Secretaria de Política Agrícola do MAPA.

“Em tempo de pandemia, este valor garante a segurança de renda mínima, possibilitando novos plantios e a oferta de alimentos às populações locais em seus circuitos de comercialização de alimentos saudáveis, livres de pesticidas e agrotóxicos”, salientou o diretor de Apoio e Fomento à Produção da Superintendência da Agricultura Familiar da SDR), Welliton Rezende.

Na Bahia, na safra 2018/2019, 255 municípios aderiram ao Programa Garantia-Safra. Inicialmente, desse total, 170 municípios tiveram perdas de safra comprovadas, habilitando 192.678 famílias, que já receberam o pagamento de R$ 850, entre os meses de novembro de 2019 e abril de 2020.

Com a inserção dessas novas famílias, 231.860 famílias, de 206 municípios baianos, passam a contar com o benefício, de um total de 277.473 mil que aderiram ao Garantia-Safra, safra 2018/2019. O volume de recursos é da ordem de R$ 197,2 milhões, sendo R$ 37,7 milhões do Governo do Estado, de acordo com a SDR.

A inclusão desses 36 municípios baianos na folha de pagamento do Garantia-Safra se deu a partir do trabalho realizado pela Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater/SDR), para comprovar, por meio de documentos, a elegibilidade dos índices, com encaminhamento e acompanhamento da SDR. A ação conjunta resultou no lançamento dos dados corretos no Levantamento Sistemático da Produção Agrícola do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (LSPA/IBGE) e garantiu o acesso desses municípios ao benefício.
Sobre o programa

O Garantia-Safra garante a segurança alimentar para agricultores familiares de municípios que sofrem por estiagem ou enchente. Podem receber o benefício os agricultores com renda mensal de até um salário mínimo e meio, quando tiverem perdas de produção em seus municípios, igual ou superior a 50%. O Garantia-Safra prevê o repasse de R$ 850, divididos em cinco parcelas de R$ 170. O seguro é composto por contribuições dos agricultores familiares, Estados, Municípios e União. Na Bahia, o Estado assumiu o pagamento de 50% do valor devido aos agricultores e às prefeituras municipais.
Municípios beneficiados

Na Bahia, os municípios contemplados com o pagamento são: América Dourada, Boa Nova, Brotas de Macaúbas, Brumado, Buritirama, Condeúba, Curaçá, Guajeru, Ibiassucê, Jacaraci, Lajedinho, Maetinga, Marcionílio Souza, Mortugaba, Poções, Riacho de Santana, Rio do Antônio, Seabra, Tanhaçu, Tanque Novo, Tremedal, Água Fria, Barrocas, Conceição do Coité, Irará, Olindina, Pindobaçu, Santa Brígida, Santa Inês, Santa Teresinha, Santanópolis, São José do Jacuípe, Serrinha, Sítio do Quinto, Tapiramutá e Teofilândia.

Mais Notícias